Análise de planejamento de marketing de participantes do BBB 20

Atualizado: Abr 30

Já faz alguns anos que os programas de TVs ensinam sobre comportamento, indicam as tendências e realizam a comunicação em massa.

Um reality show tem ainda mais peso nesses comportamentos do que um programa televisivo convencional, porque são pessoas completamente diferentes convivendo juntas, sem filtro, sem roteiro, sem informações do que está rolando aqui fora, apenas com regras para seguir e a missão de aprender a conviver com as diferenças debaixo do mesmo teto em busca de um prêmio em dinheiro.


Com o passar dos anos o marketing se tornou uma ferramenta cada vez mais presente em tudo isso. Ele está na emissora que vende a emoção, as curiosidade, os prêmios, as atividades, e até o “fogo no parquinho”, que rende assunto para a semana toda nas redes sociais e aumenta a audiência. Está também nos blogs de fofocas que tem conteúdo 24 horas por dia, ainda mais nesta edição que a Rede Globo resolveu convidar influencers para participar.


E por falar em influencers e redes sociais, elas tem o poder de levantar, derrubar e até “cancelar” os participantes. E em tempos de tecnologia, o uso das redes sociais são ainda mais importantes para ibope e audiência de um reality show e também para as imagens dos participantes.


Para quem gosta de bons cases de marketing, nós analisamos três participantes completamente diferentes que estiveram no BBB20 e que usaram a fama do programa para alavancar a carreira. Nós organizamos por ordem de eliminação, porque foi a ordem em que analisamos os casos, mas isso não vai interferir nada aqui, já que a 20ª edição do Big Brother Brasil chegou ao fim e já tem uma vencedora, a Thelma Regina, que não está nesta análise.


Bianca Andrade


Divulgação/Rede Globo

Conhecida como Boca Rosa, a empresária e blogueira entrou para o reality show com 8 milhões de seguidores e apesar de perder alguns seguidores durante o programa, (risco que todo digital influencer corre quando aceita se expor sem filtros e roteiros), a empresária recuperou seus seguidores perdidos e saiu da casa no 5º paredão, com 11,4 milhões de seguidores no Instagram.

Mas se você pensa que essa análise é sobre seguidores, está enganado!

É claro que existiu a parte negativa por conta da exposição, a blogueira que entrou na casa namorando, saiu de lá solteira. Ganhou alguns ‘haters’, e perdeu alguns seguidores.

Falando sobre negócios e marketing, Bianca além de blogueira de maquiagem, é empresária do ramo da beleza, seus negócios incluem a marca Boca Rosa Beauty, de produtos de maquiagem e cabelo. Ela afirmou que planejou uma estratégia com sua equipe antes de entrar no reality para manter sua presença digital aqui fora mesmo estando confinada. A empresária planejou e decorou cada look, penteado e make que usaria nos domingos, dia de formação de paredão. A partir daí, sua equipe se planejava aqui fora e publicava a foto tirada com a roupa em que ela estava lá dentro. O resultado desse planejamento que parece simples foi o aumento de seus seguidores e de suas vendas em três vezes mais, o que conta muito na carreira de influenciadora e no crescimento de sua marca.


Babu Santana


Divulgação/Rede Globo

O ator e cantor Babu Santana, foi o último homem a ser eliminado da casa mais vigiada do Brasil. Ele entrou para o reality show com 23 mil seguidores e saiu, na última semana, com 6,1 milhões de seguidores.

Lá dentro o ator e cantor dava uma aula de como sair da bolha para os participantes, ensinando sobre questões de lugar de fala, feminismo, racismo e outros assuntos. Aqui fora os responsáveis por seu perfil acolhiam o público que se identificavam com o “Paizão”, como ficou conhecido e divulgavam materiais recebidos, o trabalho do ator e também divulgaram duas músicas nas plataformas de streaming. A primeira foi a “Sou Babu”, inspirada em Tim Maia e claro, conta sua história. O “Soul África”, foi o segundo single inédito da discografia do artista carioca lançada nas últimas semanas do programa.

É claro que a popularidade do ator e cantor cresceu e que esses lançamentos aproveitando a visibilidade de um reality show foram uma ótima investida em sua carreira.

Manu Gavassi


Divulgação/Rede Globo

A última análise, mas não menos importante é da Manu.

Quem não conhecia, passou a conhecer Manoela Gavassi. A cantora, compositora, atriz, dubladora, diretora e roteirista. (Acho que não esquecemos nada!)

Manu entrou para o programa com 4,4 milhões de seguidores, saiu como finalista, em terceiro lugar da 20ª edição do BBB, com 13,6 milhões de seguidores. E não é pra menos, além de conquistar o público dentro do reality show, a cantora planejou sua presença digital aqui fora com muito detalhe.

Desde o inicio do confinamento até a final, sua equipe publicou 132 posts (fotos e vídeos), que batiam com situações vividas pela cantora no reality show. O inicio do planejamento foi com uma “brincadeira”, falando que ela estava enlouquecida e que entrou para um retiro espiritual. O planejamento envolveu vídeos falando sobre o retiro, dicas, cartas abertas e situações como ganhar a liderança ou perder as provas dentro da casa. Aqui fora a cantora assumiu que gravou todo o conteúdo em 12 horas, um dia antes do confinamento.

Além da presença marcante nas redes sociais e conteúdo para dar e vender para estudo de marketing, imagem pessoal, planejamento de carreira, Manoela ainda enviou um projeto para Selton Mello antes do programa e durante seu confinamento sua equipe publicou uma carta aberta gravada por ela para o ator, diretor e produtor, elogiando seu trabalho e falando sobre o projeto. Ele prontamente elogiou e contou que aceita produzir a websérie baseada nas experiências de vida dela.

Outro ponto de sua participação e em suas redes sociais foi a amizade com Bruna Marquezine, a atriz declarou torcida para a amiga, mostrou mensagens desesperadas que mandou para a cantora no dia em que descobriu do confinamento e até organizou mutirões de votação para ela ficar no maior paredão da história do programa.

A cantora também entrou pela primeira vez na parada Social 50 da Billboard, ranking que mede a popularidade dos artistas do mundo todo nas redes sociais e foi citada no twitter pela Dua Lipa por conta da coreografia que fez de "Don’t start now" nas festas do BBB.

E mais do que o impulso que tudo isso já contribuiu em sua imagem, um estudo realizado pelo Spotify entre 18 de janeiro e 22 de abril, e divulgado pelo jornal O Globo, mostra que o volume de reproduções de músicas de Manu cresceu 948% durante o confinamento.

Manoela não venceu o reality show, mas atingiu números que muitos gostariam de conquistar e seu planejamento de marketing nas redes sociais alinhado com sua participação no programa, foram fundamentais para alcançar tudo isso em sua carreira.


É claro que esses três casos são de pessoas que já eram famosas antes do BBB e que realizaram um planejamento de conteúdo aqui fora nas redes sociais já pensando em colher bons resultados. Mas o marketing é uma ferramenta que pode ser usada em tudo, com um estudo da situação e bom planejamento é possível alcançar bons resultados na carreira, nas redes sociais e até em sua imagem pessoal.


Pra quem curtir a análise pode conferir um conteúdo bem completo e explicativo no blog da "Jornalista à deriva".

31 visualizações
  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • YouTube ícone social

© 2020 Um, Dois... Gravando !

Todos os direitos reservados.